Alho, como ele pode lhe ajudar neste inverno?

O alho é um tempero usado há milênios na Ásia, e foi levado para a região do Oriente Médio e Europa na Antiguidade e chegou nas Américas com os colonizadores. Esse tempero sempre foi importante na medicina fitoterápica, e ganhou papel fundamental nas culinárias portuguesa, italiana, espanhola, francesa e, claro, a brasileira.


Benefícios

O alho possui ação antibiótica, antimicrobiana e antisséptica. Por isso, é muito eficiente para prevenir e curar gripes e resfriados. É eficaz, até mesmo, para combater febres e problemas respiratórios agudos e crônicos, como as bronquites. Tem uma maior concentração de compostos organossulfurados; é rico em enxofre, iodo e silício. Contém, além disso, um nível muito elevado de alicina; esse composto apresenta propriedades antibióticas e é o responsável pelo cheiro e sabor particular do alho.

É muito rico em vitamina C, tiamina e riboflavina, esses poderosos antioxidantes que são excelentes para a saúde em geral.


Como utilizar o alho?

O alho é excelente para aromatizar vegetais, saladas, marinadas de todos os tipos de carnes, refogados e molhos crus e cozidos, sopas, pães, e azeites.

Mas, a melhor forma de consumir o alimento é ao natural – estudos recomendam a ingestão de um dente de alho cru por dia. No entanto, ele mantém boa parte de suas propriedades e continua sendo um alimento muito saudável quando preparado de outras maneiras.

Assado: Coloque na assadeira as cabeças do alho com casca, corte a ponta e tempere com um pouco de sal e azeite. O alho assado pode ser usado como guarnição, patê e tempero para purês e molhos.

Confitado: É só levar os dentes de alho com casca a uma panela, cobrir com azeite e deixar cozinhar em fogo baixo por cerca de quarenta minutos.

Frito: Fatie os dentes em pedaços pequenos, frite em óleo quente e sirva logo em seguida para não ficar rançoso.

Escondido: Para quem não gosta muito do sabor forte do alho, vale usá-lo no tempero da carne crua ou, até mesmo, prepará-lo no pão assado.


Qual a diferença entre o alho branco e o roxo?

Diferentemente do clássico alho branco, o roxo tem um tamanho menor, é duro, a casca exterior é de uma cor roxa intensa e tende a ter em cada cabeça entre 8 e 12 dentes. O alho roxo tem mais alicia que o branco.


Como plantar?

Ele não é fácil de cultivar e exige paciência — a primeira colheita pode demorar até oito meses. O plantio dos dentes deve ser feito em vasos com solo arenoso e pouca umidade. A planta precisa ser mantida em lugar bem fresco.


Receitinha para a sua imunidade: Sopa de Cebola e Alho

Ingredientes:

  1. 2 cebolas picadas e 1 cebola cortada em tirinhas fininhas

  2. 1 cenoura ralada fininha

  3. 2 dentes de alho amassados

  4. 2 ¼ xícaras de caldo natural de legumes ou frango

  5. 1 folha de louro

  6. 2 colheres de sopa de azeite de oliva

  7. Pimenta, Sal e Curry

Modo de Preparo;

  1. Em uma panela, coloque um pouco de azeite e aqueça em temperatura baixa.

  2. Adicione as cebolas cortadas, as cenouras e o alho refogando até que fiquem dourados.

  3. Adicione um pouco de sal, curry e pimenta a gosto.

  4. Depois de alguns minutos, adicione a folha de louro e o caldo.

  5. Deixe ferver em fogo baixo por 20 minutos com a panela coberta. Desta forma, os aromas e propriedades ficarão concentrados.

  6. Retire o louro e liquidifique parte desta sopa, devolva e obtenha um creme consistente.

  7. Pode servir com uma fatia de pão de fermentação natural no fundo e um pedacinho de queijo, se for Brie, fica perfeito!

Esta é uma excelente sopa para os dias frios, a fim de fortalecer o sistema imunológico.

Bom apetite!

MARLISE POTRICK STEFANI

NUTRIÇÃO | GERIATRIA | COACHING |

QUALIDADE DE VIDA | GASTRONOMIA

#alho #comidadeverdade #nutrichefmarlisestefani